Vai visitar os Emirados Árabes? Valem algumas dicas

Dubai e Abu Dhabi são os mais conhecidos emirados dos chamados Emirados Árabes Unidos, no Oriente Médio, às margens do Golfo Pérsico. Prédios modernos, com linhas arquitetônicas arrojadas em meio ao deserto fazem parte da paisagem.

O investimento em turismo é proporcional ao sucesso das companhias aéreas locais. Não fosse assim, o lugar seria inabitável. Com calor escaldante (que pode chegar aos 50°C nesta época do ano) e tempestades de areia, definitivamente ide-se dizer que é um lugar que não foi feito para seres humanos. Para quem viaja com jato intercontinental próprio, valem algumas dicas.

Devida à baixíssima umidade relativa do ar (que pode chegar a apenas um dígito), o lugar seria excelente para um cemitério de aviões, mas, como o objetivo não é prestar as últimas homenagens a sua aeronave, pode-se dizer que a densidade do ar, sobretudo ao meio–dia, praticamente inviabiliza decolagens de grandes aeronaves neste horário.

Não obstante, 90% dos voos se concentram de noite e de madrugada, quando as temperaturas são mais amenas e a umidade passa dos 50%.

SUL E SUDESTE DA ÁSIA

Ar úmido do oceano Certamente você já ouviu falar das monções. Mas que fenômeno é esse? Monções são ventos que mudam de direção de acordo com as estações do ano, levando ar úmido do oceano para o continente no verão (entre junho e agosto) e ar seco da terra para o mar no inverno (de dezembro a março).

O fenômeno acontece aproximadamente em um quarto da área tropical do planeta, mas seus efeitos são mais visíveis no sul e sudeste asiáticos, especialmente em países como índia, Paquistão e Bangladesh. Em pleno verão indiano, este fenômeno leva chuvas torrenciais àquele país que podem durar uma semana.

Culturas irrigadas como o arroz, por exemplo, dependem significativamente desta precipitação volumosa. A combinação chuva e calor são semelhantes à região amazônica e os pilotos precisam ter muito cuidado.

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *