Encante-se com a Odisseia de Homero, uma das mais apreciadas obras da Literatura Ocidental

Primeiro e maior escritor da Grécia Antiga, Homem tornou-se célebre por seus poemas épicos, A Ilíada e A Odisseia, que, em conjunto, contam a história da Guerra de Tróia e as subsequentes andanças de Ulisses.

Hoje a Odisseia pode ser vista como uma sequência de A Ilíada, que detalha o último ano do cerco grego à cidade de Mon. A segunda obra de Homero retoma a narrativa após a queda de Tróia, quando Ulisses começa sua longa jornada de volta para casa, em Ítaca.

Durante sua ausência, a esposa Penélope precisa se defender de inúmeros pretendentes — que o acreditam morto —, enquanto o filho Telêmaco tenta impor o controle sobre a família.

O cenário dessa interessante história é a Grécia Antiga e a costa do Mediterrâneo, e ela se inicia com Ulisses prisioneiro da ninfa Calipso, que o manteve em seu poder durante sete anos.

Ele é libertado em uma jangada, mas essa é destruída por Poseidon, que deseja se vingar de Ulisses porque ele cegou Polifemo, filho do deus.

Ulisses acaba em Esquéria, onde entretém com suas aventuras os feácios que lá vivem. Sua plateia o ouve atentamente, e ele não a poupa (nem ao leitor) de nenhum detalhe. Conta que, depois de ser capturado, cegou Polifemo na tentativa de escapar.

Como penitência, Poseidon o condenou a vagar pelo mar durante dez anos, antes de, por fim, destruir sua jangada Em seguida, Ulisses defronta-se com os lestrigões, uma raça de canibais gigantes, consegue escapar, mas se depara com a bruxa Circe, que transforma seus homens em porcos.

Também encontra as famosas sereias e fantasmas de pessoas famosas e se choca com Cila, o monstro de seis cabeças.

Ik algum modo, depois de tudo isso, consegue um barco emprestado e viaja para Itaca, onde mata os pretendentes de sua mulher e finalmente volta para seus braços apaixonados. Ulisses mentiu aos feácios? Talvez, mas de qualquer modo essa é uma história fascinante — um dos melhores relatos de viagem já contados.

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *